NOVA FCSH | Lisboa | 19 a 21 de Jan 2022

GT Jornalismo e Sociedade | Comunicações aprovadas

Estas são as comunicações aprovadas no âmbito do Grupo de Trabalho de Jornalismo e Sociedade

  • JS 1 O Jornalismo na Era da Pós-Verdade: o caso Facebook e a luta contra o determinismo algorítmico
  • JS 2 A utilização das técnicas de SEO no contexto do jornalismo online: uma prática com futuro?
  • JS 3 Design editorial e conexão emocional na cobertura mediática da eleição de Joacine Katar Moreira
  • JS 4 Jornalismo e código aberto: os casos do Shifter e da revista Interruptor
  • JS 5 Redação jornalística na palma da mão: uma reflexão sobre o uso dos dispositivos digitais móveis na produção de notícias
  • JS 6 Como a web (re)define produtos e processos jornalísticos: casos de novos
  • media alternativos de Portugal
  • JS 7 A comunicação mainstream em uma democracia com falhas: uma análise da atividade jornalística brasileira no Facebook (2014–2018)
  • JS 8 Incivis e odiosos?  Comentários online às notícias sobre as eleições legislativas de 2015 e 2019
  • JS 9 Os marcos da morte nas capas de jornais brasileiros
  • JS 10 Jornalismo independente, alternativo ou disruptivo? Os casos Fumaça e Divergente
  • JS 11 O papel do Jornalismo em saúde e a mediatização da Covid-19 em Portugal
  • JS 12 O perfil do pivô em situações de crise: o estudo de caso do Jornal da Noite da SIC durante a pandemia da Covid-19
  • JS 13 Criação do PÚBLICO: uma “onda de choque” na imprensa portuguesa
  • JS 14 Vacinação: mais um capítulo na narrativa política da pandemia
  • JS 15 “Em atualização!” Padrões e tendências nas notícias de última hora
  • JS 16 O discurso jornalístico em torno da COVID-19 no âmbito do confinamento geral de 2021
  • JS 17 Uma radiografia do fact-checking em Portugal
  • JS 18 A Pandemia no Jornal Público durante o 1º trimestre de 2020
  • JS 19 Novas notícias x notícias novas: Análise do fluxo de notícias online e da disponibilidade de informações sobre desastres
  • JS 20 Jornalismo de Cinema: caminhos para a construção de uma definição 
  • JS 21 O Jornalismo-robot na construção da acessibilidade informativa científica
  • JS 22 Quem são os novos jornalistas influentes das redes sociais para os jovens? Um estudo disruptivo sobre abordagens jornalísticas estratégicas no Instagram em Portugal
  • JS 23 Alfabetização tecnológica: como educar o público para consumir conteúdos jornalístico imersivos?
  • JS 24 Disrupção no acesso à profissão: um novo modelo de estágio curricular no jornalismo
  • JS 25 Emoção e empatia na cobertura jornalística da Covid-19: estratégias narrativas disruptivas
  • JS 26 Como a investigação em jornalismo em Portugal analisa as emoções? Uma meta-análise segundo os parâmetros do giro emocional das Ciências Sociais
  • JS 28 Refugiados 360: o ‘experienciar’ do 360° pode ser uma ferramenta geradora de empatia?
  • JS 29 Os protagonistas na cobertura cultural digital: o caso dos jornais Folha de São Paulo e Público (2012-2018)
  • JS 31 A morte em contexto pandémico: proibição ou espetáculo
  • JS 33 As doenças cardiovasculares nos media mainstream portugueses: uma análise da produção informativa na imprensa dos anos 2010/2011 e 2020/2021
  • JS 34 Representações mediáticas de públicos vulneráveis: um estudo longitudinal da imprensa portuguesa
  • JS 35 Como desenvolver competências no ensino superior – Reflexão sobre o ensino experiencial nas Ciências da Comunicação
  • JS 36 Crianças em Perigo: Escrutínio Mediático da Acção Protectora 
  • JS 37 Imagens e violências: Rasuras do tempo
  • JS 38 Associativismo e cooperativismo nos media portugueses
  • JS 39  O ensino laboratorial de Jornalismo e as perceções dos estudantes sobre os impactos formativos em período de pandemia

Regresse à lista completa de comunicações aprovadas